Páginas

10 março 2011

Fanfic - Extras de House Of Night - Loren Blake

Olá pessoal,
Já faz um tempo que não posto a fic, mas foi porque estava sem o pen-drive e não tinha no meu pc. Mas esta é a última parte, agora vocês verão o desenrolar da historia do Lorem. Qual a escolha dele e como ele morreu. Ainda apreciarão o lindo poema de Anjela – mais informações no final da fic. Espero que tenham gostado. Beijos!
Parte 6
Quando cheguei ao quarto Neferet, ela já sabia de tudo.
 - Ele me contou e eu fui ouvir a sua transa com a garota. Infelizmente vou ter que me livrar dela. – apontando para o altar escondido
 - O que você quer dizer com isso?
 - Matá-la. Ela merece ser morta como a professora Nolan. Sabe como a professora Nolan morreu? Esta na hora de você saber.
 - Como?
 - Um amiguinho meu a matou. Aha... há...ha.... – ela ria como uma louca. – Um morto vivo que conheço muito eficiente. Ele faz tudo o que quero. O pagamento é só um pouquinho do meu sangue.
 - Você mandou matar a professora Nolan? Mas por quê?
 - Ela assim como você foi intrometida e entrou no meu quarto numa hora imprópria. Teve que morrer. Ela não estragaria os meus planos de dominar o mundo e acabar com os humanos. Agora que você sabe de tudo, esta na hora de escolher o seu lado. Que lado você esta Loren?
Tive que pensar rápido.
 - Do seu lado amor. É claro que eu estou do seu lado.
Aproximei-me do seu lado e comecei a tirar minha roupa e acaricia-la;
 - Você se saiu muito bem, meu querido. Agora eu sei o que ela sabe, e tudo vai sair de acordo com o planejado. Vai ser fácil continuar a isolá-la. Só espero que sua função não tenha sido desagradável demais – Neferet disse entrando no meu jogo - Pelo menos assim esperava.
 - Ela é fácil de enrolar. Um pouquinho aqui, um elogiozinho ali e dá para conseguir seu amor verdadeiro e seu hímen em sacrifício ao deus da farsa e dos hormônios. – Seja mais convincente Loren – garotas novinhas são tão ridículas, tão previsivelmente fáceis.
 - Faça com que ela fique ocupada. Vou dar um jeito de fazer aquela gangue virar as costas para ela. Ela é poderosa, mas não vai conseguir usar os dons sem os amigos para ajuda-la a manter a cabeça no lugar enquanto fica correndo atrás de você. Mas, sabe, fiquei surpresa com essa Carimbagem. Você não achou que eu fosse sentir o cheiro, não é? Você esta fedendo ao sangue dela.
 - Eu não sei como isso foi acontecer. Acho que subestimei minha capacidade de atuação. Só fico aliviado por não existir nada real entre nós, o que me poupa de emoções confusas e do vínculo que se faz com a verdadeira Carimbagem. Como a que ela tinha com o garoto humano. Ele deve ter sofrido uma dor dos diabos quando a Carimbagem entre eles foi rompida. Estranho que ela tenha sido capaz de Carimbá-lo
com tanta força antes mesmo de se Transformar.
 - Outra prova do poder que ela tem! Apesar de ela ser ridiculamente fácil de enrolar para uma Escolhida. E não finja reclamar por ela tê-lo
Carimbado. Nós dois sabemos muito bem que assim o sexo ficou mais prazeroso para você.
 - Bem, uma coisa posso dizer, foi bem inconveniente você mandar o galante Erik procurar pela namoradinha tão rápido. Você não poderia nos dar mais uns minutinhos para terminar?
 - Posso lhe dar o tempo que você quiser. Na verdade, posso liberá-lo
agora mesmo para você ir atrás de sua cadelinha de estimação e terminar.
 - Deixa disso, baby, Você sabe que eu não a quero de verdade. Não fique bravo comigo, amor.
 - Não estou com raiva estou satisfeita. Depois que você rompeu a Carimbagem que Zoey tinha com o garoto humano, ela vai ficar ainda mais sozinha. E sua Carimbagem com aquela petulante não é permanente. Ela vai se dissolver quando ela se Transformar ou morrer. – engoli em seco. Isso não vai acontecer. – Mas você prefere que ela não se dissolva? Talvez você resolva preferir alguém mais jovem e inocente.
 - Nunca, amor! Jamais vou querer ninguém como quero você. Deixa eu te mostrar, baby. Deixa eu te mostrar. - Iria transar com ela. Apesar de meu estômago estar revirando. Eu tinha que convencê-la que Zoey não era perigosa. Deusa, por favor me ajude a agir de forma certa para que eu consiga fazer o que você me pediu. E escutei uma voz melodiosa, a voz de Nyx.
“Talvez você tenha que se sacrificar. Esta disposto?”
Bem baixinho eu disse “Sim”. Eu estava sentindo uma angustia tão grande no meu peito. Zoey estava passando por alguma coisa. O que será? Nesse mesmo momento Neferet esfriou.
 - Dê-me o celular que a Zoey esqueceu na sala de Recreação.
 -Eu a dei - Por que você quer?
 - Você já vai ver.
 - Enviei uma mensagem para aquela morta-viva da Stevie Rae. Logo ela vai estar sozinha e abandonada. Assim que ela estiver sem força
emocional nenhuma. Será a minha vez. Pensa que lindo quando todos pensarem que os humanos mataram Zoey Redbird. A guerra esta próxima Loren. Muito próxima.
 - Não você não vai fazer nada contra ela. Eu não vou deixar. Estava mais do que na hora de eu me juntar ao lado certo. Você não percebe que depois que você começou a seguir uma voz que você nem conhece você passou a ter atitudes más. Você esta do lado errado. E eu estou indo para o lado certo.
 - Então tchau. Loren, você tem certeza que é esse lado que você quer ficar. Do lado dos perdedores.
 - Eu quero estar do lado de Nyx. E sim eu a carimbei porque a amo. Ela é especial para Nyx e você não mais.
 - Sai correndo atrás dela tentando evitar o pior e ficar do lado certo. Nem vi quem me pegou, só senti uma pancada forte na cabeça e depois não vi mais nada.
Quando acordei estava pregado ao muro leste. Minhas mãos doíam.
 - Não é hora certa para você acordar, querido. Deveria esperar quando você já estivesse do outro lado.
Minha boca estava vendada.
 - Eliot. – ela chamou e um garoto sardento saiu de traz de uma árvore. – Faça o que combinei depois eu te dou o que você quer. O quanto você quiser dessa vez. Você gosta disso, não gosta?
  - Sim minha Deusa, eu gosto. Me dá só um pouco para me da forças para fazer o que tem que ser feito.
O garoto pegou uma faca grande de carne. Ela cortou seu braço e ofereceu o sangue a ele que lambeu e gemeu.
 - Depois te dou mais. Agora como combinamos – ela gritou.
Ele enfiou a faca dentro de mim, mas eu não senti dor. Vi Nyx me esperando. Enfiou a faca e rodou. Eu estava só como espectador esperando a hora de tocar a minha Deusa. Ele tirou a faca e passou pelo meu pescoço. O sangue jorrava e os olhos deles faiscavam com o
desejo pelo meu sangue.
“Casais em sorrisos passeiam à beira rio.
Tão enamorados que até se esquecem do frio.
Num momento, alhei-os ao seu destino de pó, abraçados,
Fazem a mesma promessa todos os apaixonados:
"Para sempre!" Como lábios que empalidecem
Ousam repetir essa expressão audaciosa
Que aos prados faz perder a cor auspiciosa?
Como seres que tão pouco permanecem
Ousam lançar esse vão desafio à eternidade
Na embriaguez de um instante de felicidade?
Amantes, ouvi para além da vossa ilusão que pasce!
Uma voz inflexível grita a tudo o que nasce:
"Ama e jaz na terra!" Sabei que é implacável a morte
E insensível o céu. Não escapareis a essa sorte!
Assim, sem mais demoras e reflexões,
Cheios dessas intensas e inebriantes paixões,
Da imensa natureza perdidos no seio,
Amai então e morrei!”
Meu coração foi retirado eu o vi ainda batendo na mão de Eliot e depois na mão de Neferet. E vi a hora que ela pegou gentilmente a faca da mão de Eliot e enfiou no peito do garoto.
Eu não posso ter testemunha, desculpa.
Nyx me pegou pela mão e morri de forma tranqüila sem dor. Esse foi meu sacrifício para minha amada Zoey.
Poema de Angela
www.lusopoemas.net/modules/news/article.php?storyid=17474
_______________________________________________
CREDITOS:
www.createhistorymore.blogspot.com
Este blog é destinado a todos aos ”novos escritores” e também aos “leitores ávidos” por novidade. Aos “novos escritores este é um espaço para experimentar a aceitação do público ao seu texto. E aos “ávidos leitores” incentivar e se divertir com textos exclusivos.

6 comentários:

  1. Nat MacUallis12/03/2011 00:49

    paia, se ele não realmente sentiu nada, porque a Z.ficou morrendo de dor quendo ele morreu?
    ele e mt burro, o Loren é esperto, se ele amasse a Zo iria pensar num modo de impedir que ela fosse morta, nao esse sacrificio ridiculo, nao mudou nada, a neferet continua querendo e tentando matar a zoey, a primeira parte da fic eu gostei, o final foi decepcionante...

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Muito emocionante.Eu gostava bastante de Loren e fiquei realmente decepcionada com ele e triste com seu fim.Essa fic foi bem elaborada, poderia ter mais detalhes mas foi bem legal.É reconfortante saber que poderia ter sido assim, Loren amando Zoey e se sacrificando por ela, não um cafageste de quinta.Parabéns a Galera do blog :D

    ResponderExcluir
  4. - Para ser sincera.... esse final foi meio sem sentido, e como a Nat MacUallis disse... decepcionante!
    - Nossa, todo o fic. foi tão elaborado que eu fiquei a toda expectativa esperando um final surpreendente e bem emocionante...mas, foi bem diferente do que eu pensei que fosse!!
    - Mesmo assim, quero dar os parabens a autora por ter feito um fic. tão bom, mesmo que o final não tenha me agradado tanto quanto outras pessoas!! =]

    ResponderExcluir
  5. Pra falar a verdade, o livro foi sem sentido (em muitas coisas), mas por que Neferet iria matar ele?? Porque ele ficou no caminho dela, ele era lindo de morrer e ela não disperdiçaria, e além disso, ele disse que nunca mentia, ele deve ter feito um esforço muito grande pra mentir pra Neferet eu acredito, ai ela percebeu e o matou, isso faz sentido...pq no livro não explica nada, creio pra mim que a editora não gostou que o livro pudesse virar hot (eles iriam perder a demanda infantil, tudo é dimdim), solução? Matar o melhor vampiro que a série já teve, capaz de tirar a atenção até da Z em alguns momentos:

    O sorriso lindo dele ficou todo torto como o de um garoto e, incrivelmente, o deixou ainda
    mais lindo.

    “Yeah, Wolverine. Ele me escolheu como dele quando era terceiranista. Esse foi o
    ano que eu era louco pelos X-men.”

    “Esse nome pode ser o porquê dele ser tão mal humorado.”

    “Bem, poderia ser pior. Um ano antes eu não podia parar de ver Homem-Aranha. Ele
    quase se chamou Aranha ou Peter Parker.”

    “Claramente, você é um grande fardo para seu gato carregar.”

    “Wolverine iria definitivamente concordar com você!” Ele riu de novo e eu tentei não
    deixar que sua maravilhosa aparência me fizesse rir histericamente como uma pretendente de
    uma banda.

    Adoroooooooo....Loren quero vc de voltaaaaaaa....

    ResponderExcluir

Sua Opinião é Muito Importante para nós!

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.